Eleições para diretores foi tema central de reunião na Câmara de Itabela na segunda-feira (08)

ASCOM CMI - 09/11/2021 - 12:40



Mais uma vez reunidos com diretores das unidades municipais de ensino, representantes da Secretaria Municipal de Educação e de comissões e conselhos relacionados à educação, APLB-Sindicato, vereadores de Itabela levaram informações do que foi discutido em reunião anterior com a Comissão de Eleição para Diretores e Vice-diretores. A reunião aconteceu na última segunda-feira (08) na Câmara Municipal e foi provocada pela Comissão de Educação, Saúde, Obras e Serviços Públicos (CESOS) da Casa Legislativa.

Foi reforçado pelos vereadores que a Lei Municipal N.º 501/2016, apesar de precisar ser atualizada deverá ser seguida para a eleição que se encontra em andamento, entendimento que não é só dos vereadores, mas de outros envolvidos no processo da eleição para diretores.

Várias questões sobre a eleição foram levantadas como a preocupação em haver quorum para a votação, principalmente nos segmentos de pais e alunos, surgindo duas possibilidades que devem ser estudadas e discutidas, sendo elas: a) utilizar o transporte escolar para trazer os pais e alunos para participarem da eleição, especialmente os da zona rural; e b) urnas volantes, levadas pelo mesmo transporte escolar até as comunidades da zona rural.

As conversas tiveram desdobramento, surgindo outros assuntos como as dificuldades dos diretores e secretários escolares.

Os vereadores que participaram da reunião foram Ademilson Eugênio (Lukinho), Maria Vânia Costa Santana (presidente da CESOS) e Simone Sossai. O presidente da Câmara, Pedro Antônio R. da Silva (Tio Pedro Dapé) justificou sua ausência por estar tratando de assuntos relacionados à saúde de sua mãe. O vice-presidente, Giancarlos Santos Malacarne também informou estar resolvendo questões de saúde.